Viva o Folk Brasileiro!

Com este “post debut” eu, Gabriel Romitelli, canhoto (sempre importante ressaltar), inicio minha participação no faixaseis. Não espere de mim um único estilo musical, então não se surpreenda quando, depois de uma resenha de algum álbum do Radiohead, venha uma do New Kids on the Block (ok, não chegarei a esse ponto, acho. Bom, chegarei sim, admito).

A primeira banda sobre a qual tratarei é brasileira, de Curitiba. Trata-se do Charme Chulo (ótimo nome, por sinal). Na verdade, meu primeiro post seria sobre o Clap Your Hands Say Yeah, mas acabei de chegar do show do Charme, e me senti obrigado a fazer uma resenha álbum-show (outra coisa que procurarei fazer por aqui, mesmo sendo difícil ver um show do Radiohead ou do Beirut em Ribeirão Preto). A banda, formada por quatro membros, Igor Filus (vocal e letras), Leandro Delmonico (guitarra e viola caipira), Peterson Rosário (baixo) e Rony ‘Marginall’ Jimenez (bateria), é talvez uma das mais agradáveis surpresas do atual cenário musical brasileiro.


Vamos ao que interessa: o álbum, que leva o mesmo nome da banda. As músicas seguem uma mistura muito agradável de rock e música caipira de raiz (folk brasileiro). Baterias dançantes combinadas com viola caipira; trata-se de uma divertida e interessante combinação. O vocal é bem trabalhado, com melodia muito agradável e uma constância de backing vocals em tons típicos de música caipira. Várias vezes melancólico, bem como nas letras, que são fodas (com o perdão da palavra). “Ô nhá, se é pra ficar morrendo aqui eu vou embora” e “Não quero me casar/ Os casais só se preocupam com eles mesmos,/ Não precisam do mundo inteiro, e se bastam assim” são de uma beleza sutil, irônica e melancólica. Enfim, ouçam o álbum deles, com muita atenção nas letras; prefiro não escrever a minha visão sobre as letras, ou tentar descrever a sutileza delas.


Quanto ao show, do qual acabei de chegar, (com o set list em mãos, diga-se de passagem) cabe destacar quão forte e empolgante foi, com uma ótima presença de palco (e aqui enfatizo as danças do vocalista, de originalidade ímpar), com músicas incríveis, incluindo um cover de Tião Carreiro e Pardinho (Moreninha) e Mutantes. O show em geral me fez sentir meio triste, é verdade. Não foi exatamente o show, mas ele contribuiu. Enfim, minha dose de melancolia do dia. Pena eu não conhecer todas as músicas antes do show.


Em relação às músicas, eu iria sugerir as “melhores”, mas não tenho outra opção senão sugerir o álbum inteiro. Especial atenção, no entanto, para Mazzaropi Incriminado, Polaca Azeda, Piada Cruel e Não Deixa a Vida te Levar (esta última é, no momento, minha favorita).


Enfim, esta é minha primeira postagem. Fica a dica. Os curitibanos do Charme Chulo, por trás de suas camisas xadrez, têm um coração. Com algumas cicatrizes, é fato, mas se assim não fosse, não teríamos frases como “Sou pequeno você é maior./ Você me humilha, você me humilha/ E quanto mais eu morro você mata” e muitas outras impressionantes.


ps: logo eles lançarão seu segundo álbum. Aguardo.

Charme Chulo- Charme Chulo (2007)

1. Mazzaropi Incriminado

2. A Caminho das Luzes Essa Noite

3. Polaca Azeda

4. Piada Cruel

5. Amor de Boteco

6. Não Deixa a Vida Te Levar

7. Apaixonante na Tristeza

8. Romaria dos Desvalidos

9. Solito a Reinar

10. Intriga de Cinco Pessoas

11. Barretos

12. Geada no Seu Coração

Rating: 4.9 de 5 doses de pinga com limão e canela em copinho plástico

8 Comentários

Arquivado em Charme Chulo

8 Respostas para “Viva o Folk Brasileiro!

  1. Camilla

    Gabs, adorei o post!

    Me deu muita vontade de conhecer o som da Banda!

    Meus Parabéns!

  2. Fernando Amorim

    “Rating: 4.9 de 5 doses de pinga com limão e canela em copinho plástico”: Genial.

    Gostei da resenha, vou até procurar ouvir a banda com mais atenção. haha =)

  3. Iran Ribas

    PO, assisti um show deles há um, dois meses.. os caras são mt gente boa.. eles tocam bastante no circuito araçatuba/ribeirão/são carlos… achei demais ter postado Charme Chulo. ANIMAL!

  4. gabriel

    pois é, ótima banda. E fico feliz pelos comentários positivos

  5. Iran Ribas

    cara, só vou pedir pra postar o link dos álbuns pra terminarmos de executar nossa missão como “desbravadores”. Se não achar no discografias ou na comunidade da banda, dá um up aí pra nóis!

    abraço!

  6. Eduardo Romitelli

    Exatamente o que o Iran falou! (;

  7. gabriel

    tá, vou procurar, achava que nao precisasse mas tudo bem

  8. Augusto Pereira

    Baixei pra ver qual que era , e gostei da banda ! Tem um som muito legal , dá vontade de ouvir … Valeu !

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s